A Lamparina

Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas;
Para que sejais irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis, no meio de uma geração corrompida e perversa, entre a qual resplandeceis como astros no mundo;
Retendo a palavra da vida, para que no dia de Cristo possa gloriar-me de não ter corrido nem trabalhado em vão.
Filipenses 2:14-16

Quanto é importante para você poder enxergar? Certamente muito. Por exemplo, se você não pudesse ver, não estaria lendo esse post agora. Eu sei bem o que é isso, nasci com problema de vista e, particularmente, detesto usar óculos, mas quando tenho que ler, quase não consigo sem o auxílio dos meus. É importante enxergar, é bom ver as coisas, comtemplar a beleza da natureza, das pessoas, as cores e tudo mais, mas já pensou se agora mesmo você tivesse que ficar no meio da escuridão? Seria horrível, não é?

Eventualmente, quando eu acordo durante a madrugada e não acendo nenhuma luz para me locomover pela casa, eu acabo sempre me machucando, chutando uma cadeira, um móvel e até mesmo batendo a cara na porta. Sim, isso já aconteceu comigo (Haha). O que quero chamar sua atenção hoje é para a importância da luz em nossas vidas. A claridade faz toda a diferença para nós que podemos ver. Se taparmos nossa visão, quase não conseguimos sair do lugar sem nos machucar.

Então, enquanto estudávamos o Salmo 119, me deparei com um texto que eu chamaria de clássico da Bíblia Sagrada:

“Lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho.
Salmos 119:105”.

 

Comecei a refletir sobre estas palavras que há muito tempo ouvimos falar, e comecei a pedir ao Espírito Santo que me revelasse o que Ele queria me dizer. Então me fez lembrar de uma lampadazinha que ganhei esses dias de um amigo, era bem pequena e no formato de uma lamparina. Como sempre durmo com tudo apagado no meu quarto, experimentei acendê-la. Observei que no escuro, mesmo tão pequena, ela significava o único ponto de luz no ambiente. Apaguei novamente e olhei bem para o local. Não podia ver nada, absolutamente nada. Acendi novamente a lâmpada e percebi, mais uma vez, que aquela pequena luz fazia com que eu conseguisse enxergar tudo que estava dentro do meu quarto, todas as partes do caminho para que eu pudesse abrir a porta e sair. E então o Espírito Santo falou comigo: Entende agora porque a minha Palavra é uma lâmpada para os teus pés e luz para o teu caminho?

Com a luz acesa, mesmo que eu quisesse andar, eu não iria me machucar batendo em nada, porque havia algo me mostrando o caminho e a direção para não me ferir. Uau!

É isso mesmo! A Palavra do Senhor significa isso pra nós, a direção do nosso caminho para que não nos machuquemos. Se, muitas vezes, caminhamos no escuro e tropeçamos nos obstáculos presentes na nossa vida, é porque não deixamos que a Palavra ilumine o nosso caminho.

Devemos entender hoje o quão precioso é podermos ter a Palavra do Senhor, o quão privilegiados somos por poder ter acesso a ela livremente, enquanto em muitos países é crime ter uma Bíblia.

Imagine como seria sua vida se a luz não existisse. Imagino que seria escuro. Assim é nossa vida sem o Senhor, não sabemos o que fazer, não sabemos para onde ir e sempre caminhamos em direções para onde poderíamos nos machucar, mas o amor do Senhor por nós é tão grande que ele nos deixou o “Mapa”. Ele próprio é a luz.

Falou-lhes, pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida.

João 8:12

E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más.

João 3:19

Quando penso em luz e me lembro dessa situação do meu pequeno chaveiro de lamparina, visualizo um outro aspecto. Considerando que a escuridão representa as trevas e que luz e trevas não se misturam, é bem claro que o Senhor nos chama para ser luz em meio às trevas. O Senhor nos diz a respeito disso em diversos textos de Sua Palavra, mas quero que nos concentremos em outro texto bem conhecido por nós:

Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte;
Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa.
Mateus 5:14-15

Fazendo uma analogia ao texto de Filipenses mencionado lá em cima, podemos observar que o Senhor nos chama para iluminarmos! Os astros brilham, refletem a luz por milhões de anos luz e nós, temos brilhado em nossa geração?

Uma lamparina acesa num lugar escuro, não deixa de ser percebida, não deixa de iluminar. Embora o ambiente escuro seja muito maior do que o tamanho da lâmpada, ela é capaz de sobressair a escuridão e iluminar.

Que cada um de nós seja uma pequena lâmpada e que juntos nos tornemos uma grande luz capaz de iluminar todo o mundo!

Na graça do Senhor,

(lucas_scraft@hotmail.com)

Lucas Ferreira

Anúncios

2 comentários sobre “A Lamparina

  1. Gostei muito dessa tua publicação sobre a luz. Gostaria de ler mais interpretações sua sobre a biblía.

  2. Gostei muito dessa tua publicação sobre a luz. Gostaria de ler mais interpretações sua sobre a biblía. Espero resposta em breve.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s