Quanto amor!

De fato, no devido tempo, quando ainda éramos fracos, Cristo morreu pelos ímpios.
Dificilmente haverá alguém que morra por um justo; pelo homem bom talvez alguém tenha coragem de morrer.
Mas Deus demonstra seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores. 
Romanos 5:6-8

Parei para refletir sobre o amor de Deus. E este texto em especial falou muito ao meu coração e me fez repensar o sentido do amor, principalmente o amor de Deus por nós. 
É muito verdade aquilo que esta descrito neste texto, é provável que alguém poderia morrer por um justo, por uma pessoa boa, um parente ou amigo muito amado. Recordo-me de um filme que assisti há muito tempo atrás, se chama um ato de coragem. Neste filme, um pai descobre que o filho, um menino com cerca de 11 anos, tinha um grave problema no coração. Ele só poderia ser salvo através de um transplante de coração, o que era muito difícil. Aquele homem tentou de toda forma conseguir o dinheiro necessário para cobrir a cirurgia, que não era coberta pelo plano de saúde, por fim, ele não conseguiu, era tudo muito caro e praticamente impossível. Mas ele não aceitou aquilo, precisava fazer alguma coisa, afinal era o seu filho. Então aquele homem arriscou sua vida e sequestrou um hospital inteiro para que a cirurgia fosse realizada. Enfrentou o perigo para salvar a vida do filho. Ele conseguiu, a operação foi realizada, mas mediante esse risco corrido por ele.

O que eu quero dizer contando sobre este filme? O homem se arriscou porque ele amava muito o filho, era alguém muito importante pra ele. Agora eu pergunto: – E se fosse qualquer um? E se fosse um assassino? E se fosse eu ou você? Quem estaria disposto a morrer por nós? Deus nos amou tanto, mas de um jeito inimaginável mesmo, que morreu não só por aqueles que eram bonzinhos, não apenas por aqueles que viviam naquela época, não só pelos seus discípulos, Ele amou a todos e entregou seu Filho Jesus Cristo para morrer por todas as pessoas. Com entender tão grande amor pela humanidade? Acredito que a mente humana nunca poderá atingir o entendimento disso, a própria palavra diz que os pensamentos de Deus são muito maiores do que os nossos. Precisamos apenas entender e corresponder a este tão grande amor. Fazemos muito pouco, O amamos muito pouco, O servimos muito pouco diante do tamanho do amor Dele. Meu desejo é que cada um de nós possa prosseguir em conhecer ao Senhor, prosseguir em tentar corresponder a este amor entregando nossa vida em adoração a Ele. Nenhum outro faria isso por nós. Ore hoje ao Senhor agradecendo o grande amor que Ele tem por você, agradecendo este que excede a todo entendimento.

O que eu quero dizer contando sobre este filme? O homem se arriscou porque ele amava muito o filho, era alguém muito importante pra ele. Agora eu pergunto: – E se fosse qualquer um? E se fosse um assassino? E se fosse eu ou você? Quem estaria disposto a morrer por nós? 
Deus nos amou tanto, mas de um jeito inimaginável mesmo, que morreu não só por aqueles que eram bonzinhos, não apenas por aqueles que viviam naquela época, não só pelos seus discípulos, Ele amou a todos e entregou seu Filho Jesus Cristo para morrer por todas as pessoas. Com entender tão grande amor pela humanidade? Acredito que a mente humana nunca poderá atingir o entendimento disso, a própria palavra diz que os pensamentos de Deus são muito maiores do que os nossos. Precisamos apenas entender e corresponder a este tão grande amor. Fazemos muito pouco, O amamos muito pouco, O servimos muito pouco diante do tamanho do amor Dele. Meu desejo é que cada um de nós possa prosseguir em conhecer ao Senhor, prosseguir em tentar corresponder a este amor entregando nossa vida em adoração a Ele. Nenhum outro faria isso por nós. 
Ore hoje ao Senhor agradecendo o grande amor que Ele tem por você, agradecendo este que excede a todo entendimento.

Reflita no texto de Romanos 5

“Como agora fomos justificados por seu sangue, muito mais ainda seremos salvos da ira de Deus por meio dele!
Se quando éramos inimigos de Deus fomos reconciliados com ele mediante a morte de seu Filho, quanto mais agora, tendo sido reconciliados, seremos salvos por sua vida! Não apenas isso, mas também nos gloriamos em Deus, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo, mediante quem recebemos agora a reconciliação.
Portanto, da mesma forma como o pecado entrou no mundo por um homem, e pelo pecado a morte, assim também a morte veio a todos os homens, porque todos pecaram;
pois antes de ser dada a lei, o pecado já estava no mundo. Mas o pecado não é levado em conta quando não existe lei.
Todavia, a morte reinou desde o tempo de Adão até o de Moisés, mesmo sobre aqueles que não cometeram pecado semelhante à transgressão de Adão, o qual era um tipo daquele que haveria de vir.
Entretanto, não há comparação entre a dádiva e a transgressão. Pois se muitos morreram por causa da transgressão de um só, muito mais a graça de Deus, isto é, a dádiva pela graça de um só homem, Jesus Cristo, transbordou para muitos!
Não se pode comparar a dádiva de Deus com a conseqüência do pecado de um só homem: por um pecado veio o julgamento que trouxe condenação, mas a dádiva decorreu de muitas transgressões e trouxe justificação.
Se pela transgressão de um só a morte reinou por meio dele, muito mais aqueles que recebem de Deus a imensa provisão da graça e a dádiva da justiça reinarão em vida por meio de um único homem, Jesus Cristo.
Conseqüentemente, assim como uma só transgressão resultou na condenação de todos os homens, assim também um só ato de justiça resultou na justificação que traz vida a todos os homens.
Logo, assim como por meio da desobediência de um só homem muitos foram feitos pecadores, assim também, por meio da obediência de um único homem muitos serão feitos justos.
A lei foi introduzida para que a transgressão fosse ressaltada. Mas onde aumentou o pecado, transbordou a graça,
a fim de que, assim como o pecado reinou na morte, também a graça reine pela justiça para conceder vida eterna, mediante Jesus Cristo, nosso Senhor.” Romanos 5:9-21

Um abraço.

Lucas Ferreira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s