Há um propósito na humilhação…

Olá, pessoal do blog!

No último post, eu falei sobre a pessoa mais importante e essencial na minha vida: o Espírito Santo.

E, hoje quero dar continuidade ao que tenho aprendido e vivido com Ele..

Passei meu feriado com uns amigos em Petrópolis e, lá tive uma experiência muito linda com o Pai. No sábado pela manhã, acordei com o meu coração muito ansioso e inquieto. E, dentro de mim, ouvia o Espírito Santo me chamando para ir caminhar (*só para constar: lá, onde eu estava, é cercado de montanhas com muitas árvores – um lugar perfeito). E eu saí…

No caminho, o Pai falou comigo que Ele queria que eu abrisse meu coração com Ele. Nisto, eu comecei a orar andando por aquele caminho perfeito. Só que eu não estava sendo sincera com Ele, até que chegou um ponto, que eu não tinha mais palavras e falei a verdade, e disse: “Deus, é muito difícil pra mim dizer não àquilo que eu quero, me ajuda!” E, na mesma hora, um vento soprou no meu rosto, e eu senti Deus dizendo: ‘ – Agora, sim, você disse a verdade.’

E a partir disso, Ele pode começar a ministrar ao meu coração, a compartilhar seus segredos, revelar Seu amor e me trazer a cura e a paz. Sabe, antes de ser sincera com Deus, eu estava tentando encontrar as melhores palavras para impressioná-lo. Mas, a Bíblia fala em Salmos 34.18 que “O Senhor está perto dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito abatido”; eu estava abatida, o que mais eu poderia fazer, além de me humilhar na presença do meu Pai.

Parafraseando Atos 3.19-20 (você pode conferir) se nós nos voltarmos para Deus, teremos tempos de descanso da parte do Senhor. Querido, tempos de descanso vem quando nos voltamos para Deus e passamos tempo na presença dEle. Mas, a maioria de nós tenta quase tudo antes de finalmente aprender que o que precisamos não é o que Deus pode nos dar, mas sim o próprio Deus.

A Palavra diz “ Humilhem-se diante do Senhor, e ele os exaltará” (Tiago 4.10).  

Veja isto: A humilhação não é geralmente uma experiência agradável, visto que diminui o ego, e tenho aprendido que a exaltação de Deus, não é nos dar o que queremos ou pedimos; não é mudar a nossa situação; mas, sim, nos dar autoridade sobre nós mesmos, para termos a capacidade e a graça de perder a vida por Ele e nEle, a fim de encontrá-la, em seu propósito real.

Quando enxergamos a verdade de Deus, o diabo perde terreno, e começamos a progredir de forma radical em nosso relacionamento com Deus.

Reconheça isso, hoje, diante do Pai….

‘Não posso mais viver pra mim mesmo
Ajuda-me Senhor
Ensina-me os Teus pensamentos
Que são maiores que os meus
Os meus sonhos te dou
Os meus planos, meu querer deixo em Teu altar…’

… e Ele te exaltará.

Que a paz de Deus guarde os nossos corações!

Raíssa Gomes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s